Panóptico

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

UM OLHAR SOBRE O SERTÃO (por Sergio "Dedão")

 “Tudo é água” (Tales de Mileto)

Morte cor de cinza
                              ronda
A chuva cai e a morte se esvai
O verde de múltiplas tonalidades
brota
         da
              própria
                           morte
Como a Fênix brota das cinzas
O úmido torna o solo
                            antes
                      seco
              fértil
A vida brota com os animais
            com as plantas
            “tudo é água”
E Dionísio deus da primavera e da vida
           aparece para festejar a abundância

                           Sergio “Dedão”
                                        26/06/2000

Um comentário:

O autor dos rebentos disse...

Boa lembrança este ditirambo sobre os físicos milésios do Dedão. Conferi no lançamento do livro "A queda do requinte", em Osasco. Abraço.